Ataques aos eventos on-line, um risco a ser gerenciado

Ataques eventos on-line

Verdadeiros sequestros de eventos on-line vêm acontecendo em circunstâncias diversas e causando constrangimento para marcas, empresas e pessoas públicas. Variam os temas, mas repete-se a fórmula. Os links divulgados publicamente são invadidos por intrusos que compartilham conteúdos racistas, machistas, pornográficos e até nazistas. Os alvos preferidos são escolas, universidades, cursos livres, palestras sobre temas sociais, defesas de trabalhos acadêmicos, campanhas eleitorais e movimentos de minorias.

Os ataques, que iniciaram na Plataforma Zoom e por isso foram apelidados de Zoom-bombing foram revelados pelo FBI, em março deste ano. Também são frequentes no Google Meet e em outras plataformas usadas intensivamente nestes tempos de pandemia de Covid-19. Não se trata de falha de segurança dos aplicativos, mas sim, uma vulnerabilidade ou um risco que precisa ser gerenciado pelo organizador das conferências, reuniões, webinars, enfim, de todos as modalidades de eventos on-line.

Para desestabilizar o evento, quem ataca, seja por trollagem ou por cultura do ódio utiliza música alta, interrompe o evento com gritos e falas desordenadas e, o que é mais frequente, com o uso de imagens e vídeos chocantes que geram de constrangimento até traumas nos participantes. São compartilhadas cenas graves de violência racial ou de gênero que causam alguns minutos de confusão e geram alguma demora na reação necessária por parte dos organizadores. Em alguns casos extremos foram veiculadas cenas sexo ao vivo.  

Quem ataca, além de interromper a atividade on-line, pode gerar vídeos e imagens a partir das reações dos participantes e viralizar os conteúdos nas redes sociais. Para evitar danos é preciso gerenciar o risco. Os cuidados prévios podem reduzir a chance de ocorrência desta situação ou, pelo menos, minimizar os danos com a ação correta de contenção. É preciso ficar atento e se prevenir. Conheça algumas dicas para garantir a segurança de seu evento on-line!

Cuidados para evitar os ataques on-line

  1. Em eventos abertos, realizar inscrição prévia, solicitando dados como e-mail dos interessados
  2. Não publicar os links dos eventos nas redes sociais. Cuidado, o whatsapp também é uma dessas redes
  3. Encaminhar o link apenas para os inscritos e evitar o excesso de antecedência. Quanto mais próximo do horário do evento, melhor
  4. Gerenciar o acesso, deixando os participantes na sala de espera e conferindo a lista dos inscritos antes de admiti-los na sala
  5. Admitir os participantes na sessão de forma cuidadosa, fazendo a validação dos e-mails ou outra credencial previamente combinada com os inscritos
  6. Usar configurações de segurança dos aplicativos que limitam o compartilhamento da tela dos participantes
  7. Ter a versão mais recente dos aplicativos e plataformas usadas para os eventos virtuais. Todas estão investindo em mecanismos sofisticados de segurança

Se for atacado, aja rápido para mitigar os danos

  1. Quando perceber o ataque, interromper imediatamente a sessão
  2. Lembrar que as reações que você tiver na sessão podem estar sendo gravadas ou registradas por quem está liderando o ataque
  3. Avisar participantes, posteriormente, do  novo agendamento, mas não esquecer que quem atacou ou vazou o link pode estar entre os participantes
  4. Relatar o incidente à administração da plataforma utilizada
  5. O FBI sugere que se registre ocorrência policial – crimes digitais precisam ser apurados, especialmente quando as imagens representem violações ou situações criminosas
  6. Rever e atualizar os mecanismos de segurança da versão utilizada de sua plataforma
  7. Ficar atento às dicas acima: Cuidados para evitar os ataques on-line para realizar a nova sessão do seu evento

A diversidade das plataformas de eventos on-line garantiram o trabalho e a sociabilidade neste tempos tão peculiares da pandemia enfrentada pela humanidade. Os eventos devem continuar acontecendo nesta modalidade e em grande escala e isso é muito bom. Crescem as oportunidades, aproximam-se pessoas e se reduzem os custos. Portanto, organizar e divulgar eventos on-line segue sendo uma ótima alternativa. Apenas, como toda novidade, precisamos conhecer os riscos e criar mecanismos de cuidado para seguir aproveitando todo o potencial proporcionado pela tecnologia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.